Aprovados 11 contratos de financiamento relativos a vários investimentos no concelho

Data: 2012-05-23
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


No âmbito do Pacto Leader da Adices

Através do programa Pacto Leader da Adices já foram aprovados 11 projetos de investimento no concelho de Mortágua, que representam um investimento total de 1.939.107,83 euros, com uma comparticipação de 1.003.054,53 euros, e a criação de 22 postos de trabalho. O investimento médio por projeto situa-se nos 176.282,53 euros.

No passado dia 21, no Ninho de Empresas de Mortágua, foram entregues contratos de financiamento e assinados protocolos relativos a 7 projetos de investimento a realizar no concelho de Mortágua, no âmbito daquele programa. Os contratos foram assinados entre a ADICES, entidade gestora do Pacto Leader, e os beneficiários que viram os seus projetos aprovados e comparticipados.

Os projetos agora aprovados referem-se ao segundo concurso do Pacto Leader e abrangem áreas diversificadas, desde a modernização de serviços, investimento produtivo, turismo rural, equipamentos desportivos, equipamentos sociais. As entidades beneficiárias são empresas, associações e instituições de solidariedade social do concelho.

Estes sete projetos representam um investimento total de 1.473.495,68 euros, com uma comparticipação de 752.849, 37 euros, e a criação de 11 postos de trabalho.
A taxa de financiamento sobre o investimento elegível dos projetos é de 40%, 50% ou 60%, consoante o número de postos de trabalho criados.

No primeiro concurso tinham já sido aprovados 4 projetos para o concelho de Mortágua, que representaram um investimento total de 465.612,15 euros, com uma comparticipação de 250.205,16 euros, e a criação de 11 postos de trabalho.

Após a assinatura dos protocolos, o Presidente da Câmara Municipal, Afonso Abrantes, que é também Vice-Presidente da Adices, desejou o maior sucesso aos beneficiários dos projetos aprovados e adiantou que o Município decidiu não apresentar candidaturas nestas duas fases do concurso “para assim privilegiar os investidores privados, os empresários locais”.
O Presidente da Câmara considerou ainda que existem muitas potencialidades no concelho ao nível do turismo rural que podem ser aproveitadas através do Pacto Leader, até porque as aldeias do concelho estão bem preservadas e mantêm as suas características rurais.

Nesta segunda fase do concurso, a Adices decidiu reduzir o teto máximo dos investimentos a apoiar de forma a alargar o leque de potenciais beneficiários. “Como estamos numa fase muito complicada, mesmo no acesso ao crédito, pensamos que não faz sentido estar a apoiar projetos com investimentos muito elevados. É preferível ter pequenos investimentos bem estruturados, em que parte de recursos próprios seja mais fácil de obter. Consideramos que assim haverá mais sustentabilidade destes projetos.”, explicou Regina Lopes, Coordenadora Executiva da Adices.

Abertas candidaturas para novas linhas de financiamento

Esta sessão serviu também para divulgar as quatro linhas de financiamento relativas ao terceiro concurso do Pacto Leader, cujas candidaturas estão já a decorrer e abrangem 4 áreas: Diversificação das Atividades de Exploração AgrícolaCriação e Desenvolvimento de Microempresas – Empreender Jovem; Promoção e Valorização dos Produtos Locais e da Gastronomia; Diversificação das Atividades Turísticas e de Lazer.
É de destacar a medida Empreender Jovem, dirigida a microempresas e a jovens (idade igual ou inferior a 40 anos ), que tem uma dotação orçamental global de 1milhão de euros para apoios na área do empreendedorismo jovem, sendo elegíveis investimentos entre os 5 mil e os 150 mil euros.











Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt