Adjudicada ETAR de Espinho e emissário de ligação da rede de Águas Residuais de Cercosa à ETAR da Marmeleira

Data: 2011-05-25
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


O Município de Mortágua procedeu à adjudicação da construção da Estação de Tratamento de Águas Residuais - ETAR, de Espinho.
A ETAR, orçada em cerca de 65 mil euros, irá tratar, numa primeira fase, os efluentes de Espinho e Sobrosa e futuramente de outras localidades das freguesia, nomeadamente Anceiro, Quilho, Vale de Mouro e Vila Meã da Serra, criando-se assim um sistema integrado de tratamento.

Foi igualmente adjudicada a empreitada do Emissário de ligação da rede de drenagem de Águas Residuais de Cercosa à ETAR da Marmeleira, obra orçada em 103. 362 euros.
Com a execução do emissário será possível desactivar as actuais “fossas” sépticas que servem de tratamento às águas residuais da povoação de Cercosa, que além de não terem dimensão, já se encontram desactualizadas em termos de soluções técnicas.

O Município tem vindo a proceder à requalificação/modernização dos sistemas de tratamento, no sentido de garantir capacidade, eficácia, eficiência e economia de custos, e consequentemente, também benefícios ambientais.










Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt