Grupo Desportivo e Cultural de Vila Pouca

Data: 2009-09-22
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


Inaugurado Mini-Campo Desportivo e ampliação do Edifício-Sede

Foram inauguradas no passado dia 20 as obras do Mini-Campo Desportivo e ampliação do Edifício-Sede do Grupo Desportivo e Cultural de Vila Pouca. A população compareceu em peso para assistir ao evento, vivido num ambiente festivo e com um sentimento de orgulho das suas gentes.

Coube ao Presidente da Câmara Municipal, Afonso Abrantes, e ao Presidente da Direcção, José Lopes, descerrarem uma placa que ficará a registar este dia e acontecimento marcantes no progresso da localidade.

O Mini-Campo Desportivo, em relva sintética, tem as dimensões de 22mx12m e permite a prática de várias modalidades, desde Futebol, Basquetebol, Andebol, Ténis, Voleibol. Dispõe de iluminação própria, vedação em toda a envolvente, além de uma pequena bancada com capacidade para cerca de uma centena de pessoas. A ampliação do Edifício-Sede, por sua vez, consistiu no aumento da área de Bar e construção de balneários de apoio ao equipamento desportivo.


A instalação do Mini-Campo Desportivo resultou de uma candidatura apresentada pelo Município de Mortágua a um programa da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto e da Federação Portuguesa de Futebol, tendo como objectivo fomentar a prática desportiva informal e de proximidade junto das populações, em especial dos jovens.

O Presidente da Câmara começou por enaltecer o espírito de união das pessoas de Vila Pouca: “é bom ver que aqui as pessoas são solidárias e que a Associação tem sido ao longo dos tempos um ponto de união entre as pessoas. Felicito-vos por isso, por estarem unidos em torno desta casa e por esta vossa preocupação com os jovens, por pensarem no futuro”, disse.
Por outro lado, destacou o crescimento da povoação, com muita juventude: “Vila Pouca é talvez a aldeia com mais crescimento na Freguesia, tem muita gente nova e portanto é uma terra de futuro”, augurou.

Lembrou a propósito uma carta que lhe foi dirigida por um grupo de crianças e jovens da localidade, pedindo na altura um espaço para poderem ocupar os seus tempos livres. Uma carta que deixou bastante sensibilizado o Presidente da Câmara, que logo procurou encontrar uma solução, em diálogo com a Associação. A solução não foi fácil, foi preciso encontrar e adquirir um terreno para o efeito, mas no final foi possível “juntar o útil ao agradável” com esta solução integrada, complementando a instalação do equipamento desportivo com os melhoramentos realizados no edifício-sede.



Uma obra que tem um significado: “é um sinal da evolução que se verifica neste concelho, na qualidade de vida das pessoas, que passa por este tipo de equipamentos que ajudam a fixar as pessoas, atenuando as assimetrias entre os meios rurais e os meios urbanos”, afirma o Presidente da Câmara.

José Lopes, Presidente da Direcção do Grupo Desportivo e Cultural de Vila Pouca, agradeceu a todos os que colaboraram na realização desta obra, destacando, em especial, o apoio dado pelo Município de Mortágua. O investimento total foi de 65 mil euros, tendo o Município comparticipado com 35 mil euros.
O jovem Rafael, de 9 anos, leu uma mensagem, em que apelou ao respeito e bom uso das instalações, sendo muito aplaudido pela assistência.
Após as palavras alusivas ao acto, teve lugar uma partida de futebol com a participação das crianças da aldeia, sendo bem visível a alegria de jogarem agora num relvado. Seguiu-se um Almoço-Convívio no salão da Associação, aberto a toda a população, e com a presença de várias entidades convidadas.

No final do mesmo, o Presidente da Câmara avançou outra boa notícia aos presentes: “constatei que a cobertura e o pavimento deste Salão estão a precisar de uma intervenção, já têm alguns anos, e portanto fica aqui a nossa garantia de apoio nesse próximo passo”. Uma boa nova sublinhada com uma grande salva de palmas da assistência.

A Câmara Municipal pretende alargar a construção de Mini-Campos Desportivos a outras povoações do concelho, onde haja condições para isso.











Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt