Inaugurada conclusão das obras do Centro Cultural e Desportivo de Ferradosa

Data: 2009-05-13
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


“Houve uma grande força de vontade e união das pessoas da Ferradosa para que esta obra fosse uma realidade” - afirmou Presidente da Câmara

A povoação da Ferradosa viveu no passado dia 9 (sábado) um dia marcante na sua vivência colectiva, com a inauguração das novas instalações do Edifício-Sede do Centro Cultural e Desportivo da localidade.

A inauguração foi assinalada simbolicamente com o descerramento de uma placa alusiva ao evento e dia, na entrada do edifício, pelas mãos do Presidente da Câmara Municipal, Afonso Abrantes, e pelo Presidente da Direcção da Associação, Amílcar Gomes, e na presença de Vereadores, Técnicos da Autarquia, Junta de Freguesia da Marmeleira, Empreiteiro da obra, Órgãos Sociais da Associação e populares.

Após este acto simbólico os presentes foram convidados a visitar o interior das instalações, que estão irreconhecíveis, tantas foram as alterações. No Salão os melhoramentos incluíram o reboco das paredes e pintura, novo pavimento, novo palco, nova iluminação, remodelação das casas de banho, criação de um pequeno escritório de apoio à Direcção.


O Bar foi outra das áreas que foi profundamente melhorada, a nível do pavimento, revestimento de paredes, mobiliário, colocação de tecto falso. O edifício foi também ampliado, com a construção de uma varanda ou arcada em todo o comprimento da fachada, e finalmente pintado. Não foram esquecidas as pessoas portadoras de deficiência, que possuem uma rampa de acesso que facilita a sua mobilidade.

O investimento total na obra foi de cerca de 52 mil euros, tendo a Câmara Municipal de Mortágua comparticipado com 45 mil euros. A comparticipação municipal foi atribuída por duas tranches, a primeira entregue no início da obra e a segunda no dia da inauguração, pelo próprio Presidente da Câmara.

Um Almoço-Convívio aberto a toda a população integrou o programa social e festivo da inauguração. No final ouviram-se algumas palavras que a importância do acontecimento justificava.
O Presidente da Direcção do C.C.D. da Ferradosa, Amílcar Gomes, referiu que este foi um desafio difícil mas que foi vencido, estando toda a povoação de parabéns. A segunda etapa será tratar a zona envolvente à Capela, que possui boas condições para se transformar numa zona de lazer e descanso. Agradeceu o apoio dado pelo Município, que considerou decisivo para a união de todos à volta desta obra, pois representava à partida um investimento considerável para as possibilidades da Associação e para a própria dimensão da povoação.

O Presidente da Câmara afirmou: “acho que foi um investimento que valeu a pena e todos os que colaboraram na sua realização têm motivo para se orgulharem. Tendes aqui um espaço com uma excelente localização, com condições condignas e felicito-vos a todos, a toda a povoação, pela força de vontade e espírito de união que demonstraram para que esta obra fosse uma realidade e que eu senti desde o início”. E formulou votos: “continuem com a mesma força de vontade com que ergueram esta obra, agora a cuidar da sua conservação, da sua utilização, e que este espaço seja sempre um espaço de unidade, de união, de comunidade de interesses, que todos possam usufruir com harmonia, alegria e saúde”.

Alguém dizia em conversa informal, que neste dia a Associação da Ferradosa tinha “renascido”, querendo significar, com essa figura de estilo, que é uma nova vida que agora começa, que desejamos seja longa e próspera.









Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt