Abastecimento de água recebe investimento de 1,5 milhões de euros

Data: 2004-09-09
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


A Associação de Municipios da Região do Planalto Beirão adjudicou um conjunto de obras de reforço do abastecimento de água ao concelho de Mortágua, que ultrapassam o valor de 1,5 milhões de euros, acrescido de IVA.

A decisão foi tomada no passado dia 19 de Agosto, na reunião do Conselho de Administração daquela entidade, no âmbito da concessão do sistema de abastecimento de água ao concelho de Mortágua. Essa concessão abrange ainda os concelhos de C. do Sal, S.C.Dão, Tondela e Tábua.
As obras agora lançadas vão permitir melhorar o abastecimento de água ao concelho, quer em quantidade quer em qualidade, a partir da Barragem do Paúl (Tondela) e por outro lado dotar o sistema de uma certa versatilidade que permite a sua ligação a mais do que uma origem de captação, optimizando a sua gestão e garantindo mais alternativas de abastecimento.
As obras adjudicadas respeitam à construção da adutora entre Barreiro de Besteiros–Felgueira, do Reservatório de Mortazel e Reservatório da Felgueira. Integradas na mesma empreitada foram também adjudicadas o novo Reservatório da Estação de Tratamento de Águas, situado no Gontinho, que irá permitir aumentar a actual capacidade de armazenamento e ainda a conduta de ligação aos Reservatórios de Vale da Lebre e Alto das Medas (Macieira). Com esta conduta adutora até ao Alto das Medas será possível ligar os sistemas existentes que abastecem as povoações de Póvoa, Povoinha, Vale de Remígio, Monte de Lobos, Moitinhal, Pala, Palinha, Macieira e Tarrastal, ao sistema integrado de abastecimento “em alta”.
Estas obras fazem parte de uma empreitada única, tendo sido adjudicada à firma Cipriano Pereira de Carvalho e Filhos, Lda, pelo valor de 1.236.330, 71€, acrescido de IVA.
Na mesma reunião foi adjudicada a empreitada de construção da conduta de ligação da ETA de Mortágua aos Depósitos de Vale de Açores e ao Sistema Elevatório de Vale da Lebre, à firma Scropolumbra, pelo valor de 340.568,92€, acrescido de IVA. Com a execução desta obra vai ser substituída a conduta actual, em PVC, por outra de ferro fundido, que permitirá evitar as roturas que ultimamente se tem verificado com mais frequência e após as obras na rede viária.
No seu conjunto, as duas empreitadas, ultrapassam o valor de 1,5 milhões de euros, acrescido de IVA.











Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt