“Conta Crescente Jovem”

Data: 2013-01-03
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua


Medida de apoio aos jovens, instituída pelo Município,
já abrangeu 106 beneficiários


Desde a entrada em vigor da Conta Crescente Jovem (CCJ), em 1 de janeiro de 2010, um total de 106 crianças/agregados familiares já beneficiaram deste fundo de apoio criado pelo Município.
No primeiro ano foram aprovados 38 processos de candidatura, no segundo ano 31 e no ano findo 37.
As condições de atribuição da Conta Crescente Jovem estão definidas em Regulamento Municipal específico que enquadra o acesso e os beneficiários do apoio.

A Conta Crescente Jovem tem como destinatários as crianças nascidas e registadas no concelho, constituindo um fundo de apoio, tipo conta-poupança, a favor dos jovens. Logo à nascença, o Município atribui uma verba de 100 euros, um gesto que se repete anualmente até a criança perfazer 18 anos. Daí a designação de conta “crescente”.

A CCJ só pode ser movimentada quando o jovem completar 18 anos de idade, beneficiando nessa altura não só do dinheiro depositado pelo Município como ainda dos respetivos juros.
“É um apoio aos jovens diferido no tempo, que tem um objetivo de longo prazo, pensando já hoje no futuro dos nossos jovens”, explica o Presidente da Câmara, que acrescenta: “Quando tiverem 18 anos, os jovens terão um depósito feito na sua conta de 1900 euros, acrescido dos respetivos juros. Nessa altura os jovens irão perceber melhor o significado deste gesto do Município, irão sentir que alguém investiu neles há alguns anos atrás, e certamente vão valorizar esse sinal nas suas próprias vidas, quando tiverem outras responsabilidades”.

Com base no atual número de beneficiários, a medida representa, para já, um compromisso financeiro do Município no valor de 201.400 euros, mas que será superior, considerando as crianças que venham a nascer e a aceder àquela Conta até ao final de 2013. O Município irá cativar a verba necessária que garanta o financiamento da medida no horizonte da sua vigência, o mesmo é dizer, até que cada jovem complete os 18 anos de idade.

O processo de candidatura à CCJ é bastante simples, consistindo no preenchimento de um requerimento (formulário) disponível na Secretaria da Câmara Municipal e na entrega de uma cópia dos documentos de identificação dos progenitores e do registo do recém-nascido, e uma declaração da respetiva Junta de Freguesia que ateste a residência dos requerentes na área do Município. O processo é voluntário, ou seja, depende da adesão dos pais.









Este artigo veio de www.cm-mortagua.pt
https://www.cm-mortagua.pt