Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt


Mensagem do
Presidente


 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Jovens formaram “Cordão Humano” em nome da Paz

2011-01-31
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Agrupamento de Escolas de Mortágua

Os alunos da Escola Básica 2.3 e Escola Secundária do Agrupamento de Escolas de Mortágua, assinalaram o “Dia Escolar da Não-Violência e da Paz” com um Cordão Humano à volta dos dois estabelecimentos de ensino. “Sob o lema “Faz um gesto pela Paz!”, contou com a participação de toda a comunidade escolar, Alunos, Professores e Funcionários.

A iniciativa, que se realizou pelo sexto ano consecutivo, foi mais uma vez dinamizada no âmbito do Grupo de Educação Moral e Religiosa Católica, mas envolveu outras disciplinas que colaboraram com várias actividades relacionadas com o tema da Paz.

Além do Cordão Humano foram organizadas duas Tendas da Paz, decoradas com pombas e mensagens alusivas ao tema da Paz, como estas que recolhemos: “Se o mundo tiver Paz, ficará muito melhor!!!”, “Paz e União, violência é que não!!!”, “Diz não à violência, diz sim à Paz”, “Apanha a onda da Paz”, entre muitas outras. Uma das tendas estava decorada com a palavra “Paz” escrita em vários dialectos, desde português, russo, dinamarquês, mandarim. Os alunos do 5ºC, por exemplo, construíram uma Árvore da Paz.

Segundo nos referiu a Profª Paula Marques, responsável pela disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, “a educação para a Paz deve começar desde tenra idade, incutindo e sensibilizando para atitudes e comportamentos de tolerância, respeito pelo outro, respeito pelas diferenças”, sublinhando que “a Paz está mais dentro de cada um de nós do que na acção de governos”.
E explicou que a Paz não diz respeito apenas às questões entre países, mas deve estar presente em todos os domínios da inter-relação humana, na família, na escola, no bairro, na comunidade. Deu como exemplo as mensagens escritas por alguns alunos que aludiam à importância da harmonia na família.

O Cordão Humano teve, este ano, um significado simbólico: “No ano em que a Agrupamento vive uma nova realidade com a agregação de todas as escolas, este Cordão Humano simboliza também a união entre todos e uma nova fase na vida das nossas escolas”, referiu.

O “Dia Escolar da Não-Violência e da Paz” assinala-se simbolicamente no dia 30 de Janeiro, mas por ter coincidido com o fim de semana a iniciativa teve lugar no dia 31, dia normal de aulas.
E porquê o dia 30 de Janeiro? Porque foi nesta data que foi assassinado Mahatma Gandhi, um dos maiores paladinos da paz no Mundo, que escolheu a via da resistência pacifica como forma de luta contra as injustiças, desigualdades e opressões que os Indianos sofriam sob o domínio da potência colonizadora.
Gandhi era defensor do Satyagraha (princípio da não-agressão, “força da verdade” na tradução literal), desejava a paz entre hindus e muçulmanos; entre indianos e ingleses e entre toda a Humanidade, acreditava que a Índia podia ser um país uno e independente sem uso da violência. "A não violência é a maior força à disposição da Humanidade. Ela é mais poderosa que a mais poderosa das armas de destruição concebida pela ingenuidade do Homem", afirmou.

Essa filosofia inspirou posteriormente diversos movimentos e activistas pelas lutas cívicas pelos direitos humanos, como Martin Luther King e Nelson Mandela.
A data começou a ser comemorada a partir de 1964, por Iniciativa independente do pedagogo e poeta catalão Llorenç Vidal, com o objectivo de chamar a atenção para a necessidade de uma educação permanente pela Não-Violência e pela Paz. Nesta data procura-se igualmente sensibilizar para a tolerância, solidariedade e respeito pelos direitos humanos junto das escolas de todo o mundo.



Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Marcos Históricos. Praça do Município acolheu o espetáculo “A Encruzilhada do Bussaco”. 2021-10-12
Mortágua foi palco do espetáculo comunitário “O Caldo – Contar de Ouvido”2021-10-06
Concerto comemorativo dos 125 anos da Filarmónica de Mortágua2021-09-29
Iniciada a construção do Parque Canino junto aos passadiços da ribeira da Fraga2021-09-24
Arrancou novo ano letivo com a maioria dos alunos já vacinados2021-09-20
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade