Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt

 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice > Concertos 



Audição/Concerto da Escola de Música do Orfeão Polifónico

2009-07-15
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Jovens mostraram o que aprenderam no final de mais um ano lectivo

Realizou-se no passado dia 12, pelas 17 horas, no Centro de Animação Cultural, uma Audição / Concerto dos elementos que frequentam a Escola de Música do Orfeão Polifónico de Mortágua, na área de Canto e Instrumental.
Este Concerto, o segundo já realizado até ao momento, marca o encerramento de mais um ano lectivo na Escola de Música, sendo uma forma de dar a conhecer ao público em geral e aos familiares dos jovens em especial, o trabalho que vem sendo desenvolvido em termos de aprendizagem e formação musical, a sua evolução e resultados práticos. Para os praticantes é também um estímulo a apresentação em público, no sentido de melhorarem e continuaram a crescer em termos musicais. Outro objectivo é despertar o interesse noutros jovens e adultos em frequentar a Escola.
O Concerto iniciou com actuação da Classe de Canto da Escola de Música, formada por iniciantes na área do Canto e orfeonistas no activo. Esta classe destina-se a aperfeiçoar a técnica vocal, sendo actualmente constituída por 13 elementos. Não é um grupo formado para actuações públicas, sendo simplesmente uma classe de técnica vocal, estando aberta a todos os interessados na área do Canto, seja iniciação ou aperfeiçoamento. No fundo, funciona como uma escola livre de Canto, onde qualquer pessoa pode participar, sem quaisquer objectivos de carreira, mas podendo ingressar mais tarde no Coro adulto, se assim o desejar.

Seguiu-se actuação da Classe Instrumental. Em placo, cinco jovens executantes, Pedro Gomes, Bruno Pais, David Gomes, Filipa Salazar, Bernardo Afonso, mostraram os seus conhecimentos de Piano e Violino, interpretando temas de compositores clássicos, como Bach, Haendel, Beethoven, Rameau. Muito aplaudidos e um sentimento especial de emoção dos pais e familiares, que constituíam a maioria entre a assistência.
“O grau de dificuldade das peças que executam vai evoluindo com a capacidade técnica que eles vão demonstrando e com o tempo, mas já executaram aqui algumas peças que têm um certo grau de dificuldade”, referiu-nos o Prof. Francisco Neves, que dirige a Classe Instrumental.


Finalmente actuou a Classe Infantil do Coral Juvenil Silvia Marques, como grupo convidado,
que também funciona como escola de formação na área do Canto. Escola de Música ensina Violino, Piano e Canto

A Escola de Música do Orfeão Polifónico foi criada em Outubro de 2007, inicialmente com a finalidade de ministrar técnica vocal e formação musical aos elementos do Coro, tendo depois alargado o seu âmbito à parte instrumental.

Actualmente o ensino instrumental é ministrado a nove alunos, três no Violino e seis no Piano. As aulas decorrem uma vez por semana sob a orientação do Prof. Francisco Neves. Para além do ensino instrumental, decorrem aulas de formação musical para jovens e aulas de técnica vocal para todos os interessados no Canto, ambas orientadas pelo Maestro Ricardo Vicente. Segundo Américo Salazar, presidente da Direcção do Orfeão Polifónico, esta classe instrumental “veio preencher uma lacuna que existia no ensino instrumental no nosso concelho, porque existem colectividades que dão formação instrumental, como a Filarmónica e outras, mas não com estes instrumentos mais clássicos, como o violino e o piano”. E adianta que está-se a pensar em alargar o leque de oferta de ensino instrumental: “gostaríamos de iniciar também o ensino de flauta, já no próximo ano lectivo, depende do número de interessados, mas é uma possibilidade”.
Filipa Salazar é uma das jovens que frequenta a Escola de Música, onde aprende Canto e Piano. Terminou o 9ºano de escolaridade e está a estudar no Conservatório de Música de Coimbra, onde aprende Trompa. Consegue conciliar estudos académicos e estudos musicais: “ Este ano até tive melhores notas”, conta. O seu objectivo é concluir ao mesmo tempo o 12º ano e o Curso do Conservatório.

David Gomes frequentou o segundo ano de Piano. “No meu caso é mais por gosto e diversão, não tenho objectivos futuros ligados à música”. Mesmo assim, pretende continuar a aprender: “através das novas tecnologias pode-se também aprender, é um meio que podemos hoje utilizar”.



Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Concerto de Natal cumpriu tradição e exaltou sentimentos de União, Paz e Fraternidade2018-12-27
Concerto de Natal constituiu ponto alto da celebração da quadra natalícia2016-12-28
Concerto de Natal constituiu ponto alto da celebração da quadra 2012-12-27
Espetáculo “Memórias Partilhadas” com José Fanha, Francisco Mendes e António Palma2012-10-31
Mortágua vive as suas grandes festas de Verão2009-08-10
Rali de Mortágua vai decidir o Campeão Nacional de Ralis.2021-10-26
Mundiais de Pista. Ciclista Iúri Leitão sagrou-se Vice-Campeão do Mundo na prova de eliminação.2021-10-25
Primeira reunião do Executivo Camarário2021-10-22
Presidente da Câmara eleito traçou objetivos do programa de governação para os próximos 4 anos: “Fazer mais pelas Pessoas” e construir uma “Melhor Mortágua”.2021-10-19
Bruno Sancho vence em casa e sagra-se novo Campeão Nacional de Maratona XCM, categoria Elites.2021-10-18


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade