Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt


Mensagem do
Presidente


 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Orquestra Ligeira do Exército brindou Mortaguenses com excelente concerto

2021-08-03
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

O Parque Verde de Vale de Açores foi palco na noite do passado dia 31 de um concerto pela Orquestra Ligeira do Exército.

Foi a terceira presença desta afamada Orquestra em Mortágua. Dirigida pelo Sargento-Chefe Cândido Ameixa e com vozes de Alice Costa e Lina Rodrigues, a Orquestra brindou o público com a interpretação de conhecidos temas de música portuguesa e estrangeira. O concerto terminou com um medley dos Queen, fechando com chave de ouro uma noite, que apesar de fria, atraiu centena e meia de pessoas. O espetáculo foi organizado de acordo com as normas de segurança vigentes, com lugares marcados e distanciados, e uso de máscara.

Os mortaguenses tiveram novamente o ensejo e o prazer de assistir a um brilhante concerto, com um naipe de excelentes músicos e vozes magníficas, e desfrutar de uma noite, que apesar de fria para a época do ano, tornou-se agradável pelo calor humano e a qualidade do espetáculo.

No final do concerto, o presidente da Câmara Municipal subiu ao palco para agradecer a presença da Orquestra e referiu que “é sempre um gosto e um orgulho para nós receber a Orquestra Ligeira do Exército”, recordando as duas presenças anteriores. “ Em nome do Município e dos Mortaguenses aqui presentes quero expressar a nossa gratidão pelo excelente concerto que nos deram, com exímios músicos e duas vozes maravilhosas”, afirmou. Referiu a ligação do Exército ao projeto cultural centrado no tema das “Invasões Francesas” e que junta em parceria os municípios de Mortágua, Mealhada e Penacova. Este concerto é disso exemplo, inseriu-se na atividade designada “Emb(u)scada no Parque”, sendo uma das ações do programa cultural em rede “Marcos Históricos: Invasões Francesas – a Encruzilhada do Bussaco”, que junta os três municipios.

Dirigiu ainda uma saudação especial ao Exército, lembrando toda a sua ação humanitária e de apoio à população, nomeadamente no contexto da pandemia. E terminou pedindo uma grande salva de palmas ao Exército Português, correspondida pelo público.

O maestro Sargento-Chefe Cândido Ameixa, referiu que a missão da Orquestra é levar a música a todos os portugueses e promover o moral e o bem -estar da família militar. Em 2020, por causa da pandemia, a Orquestra viu-se obrigada a cancelar todos os concertos e a reinventar-se: “Tivemos de recorrer a outras ferramentas. Não fizemos concertos ao vivo, mas fizemos gravações que foram sendo publicadas no facebook do Exército e nas redes sociais”. Um desses vídeos, a interpretação do tema “Amor a Portugal”, um original de Dulce Pontes, obteve enorme sucesso: “Em poucos dias tivemos mais de 3 milhões de visualizações”. O vídeo foi produzido para comemorar o Dia Mundial da Voz e homenagear a ação dos militares no apoio ao combate à pandemia covid-19.

O corrente ano tem sido de avanços e recuos, devido à instabilidade da situação pandémica, mas a expectativa é que os concertos comecem a acontecer com alguma regularidade: “Vamos tentar, de forma gradual, recuperar o tempo pré-pandemia. É para nós fundamental estar na estrada, fazer concertos ao vivo e ter as pessoas connosco. É disso que precisamos e é o que gostamos de fazer”.

Sedeada em Paço de Arcos, a Orquestra Ligeira do Exército iniciou as suas atividades em 1977, sucedendo a uma agrupamento musical militar criado pela Região Militar de Lisboa, que no início dos anos 70 fez furor num programa radiofónico da RDP. Dois anos depois, foi oficializada por Decreto – Lei para representar o Exército Português e colaborar com os outros ramos das Forças Armadas e com Entidades e Organismos Civis.

A sua estrutura, em género Big-Band, é composta por cinco saxofones (flauta, flautim, clarinete), quatro trompetes, quatro trombones, dois teclados, duas violas, duas percussões e três vocalistas.

Ao longo dos anos tem-se apresentado assiduamente nas mais prestigiadas salas de espetáculos do País e com os mais variados artistas e convidados do panorama musical nacional e internacional.

A Orquestra Ligeira do Exército é fortemente solicitada para atuar nos mais variados eventos festivos, realizando dezenas de espetáculos ao longo do ano. No entanto, o seu currículo não se resume às fronteiras nacionais tendo já efetuado múltiplos concertos no estrangeiro, especialmente dirigidos às Comunidades Portuguesas e Forças Nacionais Destacadas, efetuando uma digressão por terras de França e Andorra bem como ao Teatro de Operações da Bósnia, o que constituiu um fator de importante proximidade entre Portugal e as suas Comunidades (civis e militares).

 


Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Marcos Históricos. Praça do Município acolheu o espetáculo “A Encruzilhada do Bussaco”. 2021-10-12
Mortágua foi palco do espetáculo comunitário “O Caldo – Contar de Ouvido”2021-10-06
Concerto comemorativo dos 125 anos da Filarmónica de Mortágua2021-09-29
Iniciada a construção do Parque Canino junto aos passadiços da ribeira da Fraga2021-09-24
Arrancou novo ano letivo com a maioria dos alunos já vacinados2021-09-20
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade