Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt

 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Vacinação (1ª dose) arrancou para idosos com mais de 80 anos

2021-02-19
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Decorreu ontem e hoje a vacinação para as pessoas com mais de 80 anos, que integram a primeira fase do plano nacional de vacinação à covid. O processo de vacinação envolveu um total de 150 pessoas, correspondendo ao número de doses que foram disponibilizadas neste momento. Lembramos que anteriormente já tinham sido vacinadas, com as duas doses, as pessoas residentes nos Lares e Unidades de Cuidados Continuados do concelho, a maioria das quais está neste grupo etário acima dos 80 anos.

Com o objetivo de apoiar esta fase e subsequentes (2ª e 3ª fases), foi criado um Centro Municipal de Vacinação, instalado no Quartel dos Bombeiros, que funciona como base operacional e logística ao longo de toda a campanha de vacinação.

Quando as pessoas entram no Centro de Vacinação há várias etapas que têm de ser cumpridas, antes da toma da vacina. Num primeiro momento a desinfeção das mãos, medição da temperatura e verificação da segurança da máscara, seguindo-se o preenchimento de um questionário sobre a situação de saúde do utente. Depois de validado o questionário, passa-se para o interior do polivalente, onde se procede à confirmação dos dados do utente e entrada no sistema de registo de vacinação. Uma vez verificado que não há qualquer contraindicação, a situação é então validada e passa-se à “box” onde é administrada a vacina. Após a toma da vacina a pessoa passa para a zona de recobro, onde permanece durante 30 minutos, para se perceber se há alguma reação anafilática à vacina. Terminado esse tempo, caso a pessoa não se queixe de sintomas e se sinta bem, já pode sair.

A pessoa é ainda informada sobre efeitos secundários possíveis nos dias seguintes à vacinação e o procedimento a tomar nessa situação. A Enfª Joana Ramos, do Centro de Saúde de Mortágua, explicou que “é normal haver certas reações após uma vacinação, como inchaço ou dor no local da injeção”. Quanto a outros efeitos secundários possíveis, como febre, dores de cabeça, cansaço, mal-estar geral, refere: “pode surgir como resposta do nosso sistema imunitário, mas não quer dizer que faça esse tipo de reações, de qualquer maneira são situações pontuais e passageiras, e que não devem preocupar as pessoas”.

É ainda entregue um cartão com a data da segunda toma da vacina, que ocorrerá daqui a três semanas, nos dias 11 e 12 de março, consoante o dia da primeira toma no mês de fevereiro.

A vacinação está a cargo da equipa de enfermagem do Centro de Saúde de Mortágua. A operação conta com o apoio dos Bombeiros (a nível de instalações, transporte de utentes que não têm meios de se deslocar e acamados), e do Município (contacto de pessoas, apoio logístico, desinfeção de equipamentos).

A Enfª Ana Duarte, da equipa do Centro de Saúde de Mortágua, referiu que nesta fase estão a ser vacinadas as pessoas mais idosas. “É uma lista ordenada de cima para baixo a nível etário. Nestes dois dias é só para as pessoas com mais de 80 anos, foi o critério indicado pelo ACES face ao número limitado de vacinas disponíveis. Nós temos registado nos sistemas informáticos mais de 900 utentes com mais de 80 anos, sendo que algumas pessoas já foram vacinadas nos Lares e nós temos de fazer uma triagem”. Posteriormente serão chamadas as restantes pessoas da listagem consoante forem disponibilizadas mais vacinas.

Existe uma lista de suplentes para colmatar eventuais faltas de comparência (e portanto existirem sobras de vacinas). “Temos de ter sempre uma lista de suplentes a quem nós contatamos no dia anterior, a pessoa só é chamada no dia de vacinação se houver alguma falta”, explicou.

O presidente da Câmara Municipal, que marcou presença no arranque do centro de vacinação, destaca o excelente trabalho que está a ser feito pela Delegação de Saúde e Centro de Saúde, em articulação e cooperação com o Município e os Bombeiros, proporcionando todas as condições de segurança, conforto e bem-estar às pessoas.

Júlio Norte esclarece que a chegada da vacina à população em geral é uma boa notícia e um passo importante no combate à pandemia, mas não quer dizer que o problema acabou. “Sabemos que a vacina não vai chegar a todos ao mesmo tempo, e por consequência, temos de continuar a testar e a manter os cuidados e as medidas de prevenção para que haja uma descida continuada e sustentada do número de casos. Só com a imunidade de grupo, que provavelmente só se atingirá no final do verão, quando a grande maioria da população portuguesa estiver vacinada, é que podemos respirar de alívio”.

Relativamente ao transporte de pessoas com dificuldades de mobilidade, a Câmara Municipal está a tentar resolver esse constrangimento, mas lembra que as famílias também têm de colaborar neste processo, acompanhando os seus familiares, sempre que possível.

A Câmara Municipal deixa ainda o apelo aos utentes (ou através dos seus cuidadores e familiares) para que procedam à atualização do seu nº de contacto (nº de telemóvel), junto do Centro de Saúde, ou através do nº 911 059 783 no horário das 09h às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

 


Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Presidente da Câmara eleito traçou objetivos do programa de governação para os próximos 4 anos: “Fazer mais pelas Pessoas” e construir uma “Melhor Mortágua”.2021-10-19
Bruno Sancho vence em casa e sagra-se novo Campeão Nacional de Maratona XCM, categoria Elites.2021-10-18
Ricardo Pardal tomou posse como presidente da Câmara para o mandato 2021-20252021-10-18
Marcos Históricos. Praça do Município acolheu o espetáculo “A Encruzilhada do Bussaco”. 2021-10-12
Mortágua foi palco do espetáculo comunitário “O Caldo – Contar de Ouvido”2021-10-06
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade