Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt

 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Mortágua assinalou os 209 anos da Batalha do Bussaco com Jantar Temático e Baile de Época

2019-10-02
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Com o objetivo de assinalar os 209 anos da Batalha do Bussaco, o Município de Mortágua promoveu no passado dia 28, o Jantar Temático “ 3ª Invasão Francesa – a Retirada”, evocando a derrota e a consequente retirada dos exércitos franceses por terras de Mortágua.

O Jantar contou com a presença de 128 pessoas inscritas e decorreu no magnífico cenário da Quinta da Família Cancela de Abreu, cujos proprietários generosamente cederam o espaço para a realização do evento. Além das entidades municipais, Presidente da Câmara e Vereadores, marcaram ainda presença o Vice-Presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Guilherme Duarte, o Secretário Executivo da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, Jorge Brito, o representante do Museu Militar do Bussaco, Major Lino Graça, e o Coordenador da Adices, João Carlos Figueiredo.

À chegada, os convivas foram recebidos por soldados e outros figurantes trajados a rigor, pertencentes ao Grupo de Reconstituição História do Município de Almeida (GRHMA). Este Grupo fez-se representar com 17 elementos, emprestando um cunho especial ao evento.

Do menu do jantar constou a “Canja à Doentes” ou “Canja do Duque”, que terá sido servida ao General Wellington, comandante das forças anglo-lusas. A descrição pormenorizada da receita terá sido enviada à sua mulher, que a mencionou no seu livro de memórias. Não podia faltar a afamada Lampantana, cuja origem aparece supostamente associada às Invasões e se tornou um símbolo da gastronomia do concelho, além doutras iguarias e doces tradicionais.

Antes do início do Jantar, o presidente da Câmara Municipal, Júlio Norte, agradeceu a presença de todos e salientou a importância de se comemorar um acontecimento que marcou o território, e as gentes de Mortágua e da região.

Júlio Norte destacou o trabalho em articulação e cooperação que tem sido desenvolvido pelos três Municípios que tiveram os seus territórios envolvidos na Batalha do Bussaco (Mealhada, Mortágua e Penacova), no sentido de valorizar a marca “Batalha do Bussaco” enquanto produto cultural e turístico.

Deu como exemplos a criação do Centro de Interpretação “Mortágua na Batalha do Bussaco”, as recreações históricas já realizadas, ou a criação da Grande Rota do Bussaco, em que o tema das “Invasões Francesas” e o património que lhe está associado (material e imaterial) constituem um eixo fundamental na dinamização e valorização da região, no âmbito de uma oferta turística integrada que junta história, cultura, património, natureza e gastronomia.

O presidente da Câmara agradeceu a colaboração que o Exército Português tem dado na implementação de projetos, como aconteceu com a criação do Centro de Interpretação, bem como na promoção de várias atividades relacionadas com as “Invasões Francesas”, nomeadamente Exposições e Palestras.

Júlio Norte referiu que, fruto desses projetos e dessas iniciativas, regista-se hoje uma redescoberta e um grande interesse no estudo das Invasões Francesas em Mortágua e na região. Destacou, em particular, o livro “Andaram por aqui os franceses…”, da autoria do Dr. João Paulo de Almeida e Sousa, lançado em setembro de 2016, que trouxe um enorme contributo no estudo, no conhecimento e na divulgação do “papel preponderante” de Mortágua no contexto da Batalha do Bussaco. “É muito importante o contributo que todos possam dar em torno desta temática, seja através da recolha de informação, da cedência de objetos e documentos, do estudo e publicação de obras, de modo a enriquecer e a ampliar o que já existe”, afirmou, em tom de repto.

As comemorações continuaram depois na Praça do Município, onde teve lugar um Baile de Época. O público foi convidado a juntar-se aos elementos do GRHMA nuns passos de dança à moda do início do século XIX.

A retirada

No dia 28 de setembro, e após o desaire militar, o General Massena (comandante enviado por Napoleão) ordena o recuo do seu exército até Mortágua e procede a uma manobra de diversão para encobrir a retirada, prosseguindo a marcha pela parte norte do concelho pela então denominada “estrada dos almocreves” em direção a Águeda, e com o objetivo de chegar a Coimbra.

No livro “Andaram por aqui os Franceses…”, da autoria de João Paulo de Almeida e Sousa (Médico), e com base no relato do Barão Conde de Marbot (oficial e ajudante de campo de Massena), é referido que terá sido um jardineiro de um convento (provavelmente ligado ao convento de Santa Cruz de Coimbra), a servir de guia no caminho de saída. É referida ainda a “penosidade imposta pela orografia e obstáculos naturais do trajeto e pelo estado de desgaste moral e físico dos franceses, que tinham ainda a árdua tarefa de transportar consigo 3.000 feridos por valeiros e encostas e conduzir centenas de veículos e oitenta peças de artilharia”. Em carta enviada à sua mulher, o General Junot refere que no dia da Batalha do Bussaco, as tropas francesas já não comiam pão há quatro dias.


Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Bruno Sancho vence em casa e sagra-se novo Campeão Nacional de Maratona XCM, categoria Elites.2021-10-18
Ricardo Pardal tomou posse como presidente da Câmara para o mandato 2021-20252021-10-18
Marcos Históricos. Praça do Município acolheu o espetáculo “A Encruzilhada do Bussaco”. 2021-10-12
Mortágua foi palco do espetáculo comunitário “O Caldo – Contar de Ouvido”2021-10-06
Concerto comemorativo dos 125 anos da Filarmónica de Mortágua2021-09-29
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade