Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt

 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Passeio dos idosos contou com mais de 600 participantes

2019-07-16
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Teve lugar no passado dia 12 o tradicional Passeio dos Idosos, organizado pelo Município de Mortágua, que contou com mais de 600 participantes.

O primeiro ponto de visita foi o Santuário da Senhora da Lapa, no concelho de Sernancelhe, um local de grande devoção ao qual está associado uma lenda. Conta-se que uma pastorinha que era muda, ter-se-á introduzido por entre as fendas das rochas encimadas pela grande lapa e encontrado uma imagem de Virgem, que ali teria sido escondida há mais de 500 anos por umas religiosas fugindo a uma perseguição.

A gruta onde a imagem foi descoberta possui uma pedra muito estreia por onde, reza a tradição, todos passam, exceto quem tiver pecado grave.

O Reitor do Santuário deu as boas vindas ao grupo de Mortágua e uma breve explicação sobre a criação do Santuário. Segundo referiu, cerca de 200 mil pessoas visitam o local anualmente.

Terminada a visita ao Santuário, chegou a hora do almoço, que teve lugar no parque de merendas nas proximidades do Santuário. Como tem sido tradição, os participantes fizeram questão de partilhar os farnéis.

Daqui a comitiva partiu em direção a Trancoso, cidade amuralhada, com seu castelo, casario antigo e muitos monumentos, de cariz histórico e religioso. O centro histórico, situado dentro das muralhas, está muito bem preservado. Trancoso pertence ao restrito grupo das 12 aldeias históricas de Portugal, o castelo e as muralhas estão classificados como monumento nacional. Foi neste castelo que D. Dinis, a 24 de Junho de 1282, recebeu por esposa a Rainha Santa, D. Isabel de Aragão.

Mas Trancoso também é conhecida pela figura incontornável do padre Costa, que se diz terá tido 299 filhos. Os participantes no passeio fizeram aliás questão de tirar fotografias junto de uma imagem que reproduz a personagem e onde está uma inscrição que regista o feito extraordinário do prelado. Conta-se que El-Rei D. João II lhe perdoou a morte e o mandou em liberdade com o fundamento de ajudar a povoar aquela região da Beira Alta.

Visitou-se ainda o castelo medieval, que teve um papel de relevo quer na reconquista do nosso território aos mouros quer na defesa contra os castelhanos.

O programa finalizou com uma visita à vila de Almeida, também classificada como “aldeia histórica de Portugal”. Esta vila é conhecida pela sua praça-forte, a sua fortaleza, cujo desenho configura uma estrela de doze recortes (seis baluartes e seis revelins), e com 2500 metros de perímetro. É um magnífico exemplo de engenharia militar barroca e um espaço de imensa evocação histórica, associado às campanhas da Restauração da Independência (1640), das Invasões Francesas (séc. XIX) e lutas entre Absolutistas e Liberais.

Além da zona abaluartada, foi visitado o Museu Histórico-Militar, situado nas antigas Casamatas de Almeida, galerias subterrâneas datadas do séc. XVIII, onde se reconstitui a História de Portugal desde a época medieval até à era contemporânea, com especial destaque para as Guerras Peninsulares, a invasão e o cerco de Almeida. Curiosamente alguns participantes no passeio confidenciaram que o primeiro contacto com a vila de Almeida ocorreu quando estiveram presos na antiga cadeia, apanhados quando tentavam ir “a salto” para a França. No tempo da ditadura salazarista, muitos portugueses, incluindo mortaguenses, tentaram ir para França à procura de uma melhor vida, atravessando a fronteira raiana. Alguns conseguiram, outros tiveram menos sorte.

O presidente da Câmara Municipal, Júlio Norte, acompanhou a comitiva e mostrou-se satisfeito por ver que as pessoas ficaram agradadas com o roteiro e programa do passeio. “Nas conversas que tive com as pessoas, o que me disseram é que acharam o passeio muito agravável e até gostaram mais do figurino deste ano do que o ano passado”.

Segundo Júlio Norte, o objetivo do passeio “é proporcionar um dia diferente, de boa disposição, animação e convívio”, dando a conhecer, ao mesmo tempo, os bonitos recantos e encantos que temos em Portugal.

“Felizmente, as pessoas têm hoje mais condições económicas e facilidade de viajar, mas nem sempre foi assim no passado”, no entanto lembra que há muitos idosos que vivem sozinhos ou que têm dificuldades de mobilidade, e nesses casos a disposição mental ou a possibilidade de sair, de viajar, é menor. Sobretudo para essas pessoas, salienta, “estes passeios têm um significado especial”. E sublinha: “Mesmo aquelas pessoas que estão habituadas a viajar gostam de participar neste passeio, pelo convívio, pela animação, como se vê pela enorme adesão de participantes”.

Segundo Júlio Norte, na sociedade atual há o risco dos mais velhos serem esquecidos ou descartáveis, sendo necessário  sensibilizar para a solidariedade intergeracional. “Temos o dever, todos nós, de proporcionar uma vida digna e com qualidade aos que já deram muito de si à sociedade, com o seu trabalho e esforço, em tempos bem mais difíceis do que os nossos”, afirma. E conclui: “Uma sociedade que não protege, cuida e valoriza os mais velhos, é uma sociedade sem memória, e por isso, sem futuro”.

 

 


Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Rali de Mortágua vai decidir o Campeão Nacional de Ralis.2021-10-26
Mundiais de Pista. Ciclista Iúri Leitão sagrou-se Vice-Campeão do Mundo na prova de eliminação.2021-10-25
Primeira reunião do Executivo Camarário2021-10-22
Presidente da Câmara eleito traçou objetivos do programa de governação para os próximos 4 anos: “Fazer mais pelas Pessoas” e construir uma “Melhor Mortágua”.2021-10-19
Bruno Sancho vence em casa e sagra-se novo Campeão Nacional de Maratona XCM, categoria Elites.2021-10-18
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade