Bem vindo ao ao www.cm-mortagua.pt

 Menu

 


 Agenda Municipal

 

Edição de
Outubro 2021


Versão em PDF


Acompanhe o Município
de Mortágua no Facebook

 


 

Conheça as novidades do Mercado Municipal



 Newsletter
Deseja receber notícias de Mortágua no seu endereço de e-mail?

Subscreva a nossa newsletter.

Clique aqui para se inscrever.


Notícia
Índice >  



Rali de Mortágua: a festa do desporto automóvel

2012-10-23
Fonte: Câmara Municipal de Mortágua

Ricardo Moura foi o grande vencedor e revalidou título nacional

O Rali de Mortágua, disputado nos passados dias 19 e 20, teve como vencedor o piloto Ricardo Moura, que apenas confirmou o título de campeão nacional que já ostentava antes da chegada a Mortágua.
Lembramos que Ricardo Moura alcançou no ano passado o título de campeão absoluto de pilotos precisamente no Rali de Mortágua, mas não venceu a prova. Este ano as coisas inverteram-se, ou seja, Ricardo Moura chegou ao Rali de Mortágua já com o titulo de campeão “no bolso” mas venceu o Rali de Mortágua.
Organizado pelo Clube Automóvel do Centro e com o apoio do Município de Mortágua, o Rali de Mortágua era pontuável para o Campeonato de Portugal de Ralis, Campeonato Regional do Centro, Taça de Portugal, Campeonato de 2 litros 2 Rodas Motrizes e Troféu Nacional de Clássicos.


Super-Especial atraiu milhares de pessoas

O Rali de Mortágua começou na sexta-feira com a Super-Especial noturna, que decorreu entre a EN234 e as rotundas de Vale de Açores/Povoinha. Como tem sido habitual em anos anteriores, a Super-Especial voltou a concentrar milhares de pessoas que vibraram com um espetáculo diferente e muito emotivo, destacando-se a presença de muitos visitantes. No sábado realizaram-se as classificativas de Mortágua, Vila Pouca e Sobrosa, todas com dupla passagem.
Este ano o Rali ficou marcado por várias alterações na estrutura da prova, a começar no calendário, decorrendo na sexta e sábado (e não no sábado e domingo como em anos anteriores). Foi um rali compacto e renovado, com a inclusão de duas novas classificativas, Vila Pouca e Sobrosa, tendo-se mantido apenas a PEC de Mortágua.
Depois de nas últimas edições ter estado mais concentrado a sul do concelho, nesta edição o Rali virou mais para norte e poente, abrangendo as freguesias de Trezoi, Pala e Espinho. “Havia necessidade de mudar alguma coisa, para que os troços não fiquem repetitivos. Isso não quer dizer que não voltemos às classificativas que já se fizeram noutros anos”, referiu-nos o Presidente do Clube Automóvel do Centro, Armando Fidalgo.
Outra novidade deste Rali foi o Campeonato Nacional de Clássicos, que permitiu aos espectadores ver em ação “velhinhas máquinas” que já fizeram história no Rali de Portugal.
No final, Ricardo Moura, que liderou de início a fim e venceu todas as classificativas, referiu-nos que fez uma abordagem muito “descomprometida” da prova. “Não tínhamos qualquer tipo de pressão de resultados e de alguma forma também quisemos contribuir para o espetáculo, usando mais o travão de mão do que era necessário, também em benefício do público e de algum espetáculo”.
E confidenciou: “É um Rali que me agrada muito, era um que faltava no meu palmarés”.

“Rali é bom para a economia local”
- destaca Presidente da Câmara


O Presidente da Câmara realça o contributo do Rali de Mortágua na promoção do concelho a nível nacional, mas também para a economia local. “Durante os dias do Rali e até nos dias antecedentes, regista-se um acréscimo significativo de pessoas que afluem ao concelho, que se traduz também numa maior animação económica, com benefícios para um leque alargado de setores.
A Câmara Municipal quando faz este esforço financeiro tem em conta todo esse retorno para a economia local, que no contexto atual do país, tem uma importância ainda maior”, explica.

O Presidente do Clube Automóvel do Centro, Armando Fidalgo, no final, fez um balanço “muito positivo” da prova, dizendo: “Mais uma vez voltámos a ter um grande Rali aqui em Mortágua, uma grande jornada do automobilismo. Muito público a assistir como é apanágio em Mortágua, isso também dá uma motivação extra aos pilotos e engrandece o espetáculo”.
A crise que se vive no país não deixa de afetar também este desporto, como aliás se viu pelo número de pilotos inscritos para o campeonato nacional, mas o presidente do CAC está confiante no futuro. “Enquanto a gente tiver vontade e as pessoas quiserem, os Ralis não morrem”.


Direitos de autor reservados
ImprimirImprimir

  Outras notícias
Primeira reunião do Executivo Camarário2021-10-22
Presidente da Câmara eleito traçou objetivos do programa de governação para os próximos 4 anos: “Fazer mais pelas Pessoas” e construir uma “Melhor Mortágua”.2021-10-19
Bruno Sancho vence em casa e sagra-se novo Campeão Nacional de Maratona XCM, categoria Elites.2021-10-18
Ricardo Pardal tomou posse como presidente da Câmara para o mandato 2021-20252021-10-18
Marcos Históricos. Praça do Município acolheu o espetáculo “A Encruzilhada do Bussaco”. 2021-10-12
Receção aos alunos da Academia Saber+. Ano letivo arrancou com cerca de 70 alunos já inscritos.2021-10-04
Passeio Noturno Encenado – “Marcos Históricos - A encruzilhada do Bussaco”2021-09-29
Joaquim Silva e Pedro Pinto foram bronze no Campeonato Nacional de Rampa 2021-09-13
Mortágua tem 4º mural evocativo das Invasões Francesas. Trabalho é da autoria da artista mortaguense Rute Gonzalez. 2021-09-08
Joaquim Silva, da equipaTavfer-Measindot-Mortágua, venceu 1ª Etapa e é Camisola Amarela do GP Jornal de Notícias 2021-09-01


Início | Município | Notícias | Eventos | Turismo | Contactos | Mapa do Site | Política de Privacidade